Voltar

Comunicado CCPR Leite


Caro produtor,

Em cumprimento ao decreto estadual nº 47.421, de 29 de maio de 2018, será descontada mensalmente, na folha de leite, a Taxa de Sanidade Animal.

Conforme estabelece o decreto, metade desta taxa será descontada do produtor. A outra metade será custeada pela indústria.

A responsabilidade pelo pagamento será, portanto, da Itambé. A CCPR caberá o papel de fazer a retenção da parte do produtor na folha de leite.

A Taxa de Sanidade Animal equivale a 0,15 (quinze centavos) UFEMG (Unidade Fiscal do Estado de Minas Gerais) para cada 1000 (mil) litros de leite captados - ou fração. Hoje, o valor de 0,15 UFEMG corresponde a R$ 0,49 (quarenta e nove centavos de real).

Para regularizar a cobrança, serão descontadas na folha de leite do mês de agosto as taxas relativas aos meses de junho e julho de 2018.

Confira um exemplo do cálculo da taxa:

Captação de leite (litros) informada: 10.000 litros/mês
Valor por 1.000 litros ou fração: 0,15 UFEMG = R$0,49
Valor do DAE = 10.000 Litros/mês X 0,49 : 1.000 = R$ 4,90

Onde 50% deste valor (R$ 2,45 dois reais e quarenta e cinco centavos) será pago pela Indústria e os outros 50% (R$ 2,45 dois reais e quarenta e cinco centavos), deverão ser pagos pelo produtor descontado e apontado em sua Nota Fiscal.

Em caso de dúvida, procure o supervisor de captação
da sua região.

Atenciosamente,

CCPR Leite

Informativo do preço do leite pago ao produtor ccpr

De acordo com a lei 12.669 de 19 de junho de 2012, informamos o preço bruto mínimo pago pelo leite a ser fornecido em Dezembro de 2018.